sábado, 20 de março de 2010

Esmaltes e a sua Criação

Postado por Lucy às 19:35
Reações: 


Oi gente!

Sabe quem tinha a verdadeira fissura por colorir as unhas, no passado?

A Rainha Cleópatra, isso mesmo.

Li sobre isto no jornal e está tudo registrado, de acordo com o Coordenador de Tecnologia de Cosméticos das Faculdades Oswaldo Cruz, de São Paulo, Jadir Nunes, as mulheres egípcias de 3.000 a 3.500 A.C. costumavam pintar as unhas e as mãos com henna (em princípio com a cor preta, mais tarde, com um tom de marrom escuro, obtido também a partir da substância.

Por volta do século 3 A.C. as chinesas passaram a cultivar um cuidado especial com as unhas.
Na época, mantê-las compridas e pintadas era sinônimo de nobreza.
Essas mulheres costumavam utilizar um produto um pouco mais similar ao fabricado atualmente.
Inicialmente, utilizavam mistura de clara de ovo, cera de abelhas e pétalas de rosa, que eram esmagadas para dar uma coloração avermelhada.
Depois criaram fórmulas com lacas derivadas de goma e resinas naturais dissolvidas em óleos vegetais.
O esmalte evoluiu, passando por formulações desenvolvidas a partir de óleos e aplicadas com pincéis de pelo de camelo.
A mudança mais radical aconteceu no século passado, impulsionada pelo desenvolvimento da indústria automobilística, na década de 1920, que criou uma espécie de esmalte para a pintura dos automóveis.
A partir daí, os químicos experimentaram novas substâncias até descobrirem a fórmula do primeiro esmalte para unhas, inicialmente produzido em um tom rosado.
Em 1932, Charles e Joseph Revlon criaram a primeira linha de maquiagem para unhas.
Fonte: ZH donna

Related Posts with Thumbnails

1 comentários:

Karina on 20 de março de 2010 20:38 disse...

Preciso dizer mais alguma coisa sobre esse blog? Esse blog é completo!! hehehe

Beijão!

 

Mulher super pratica Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Online Shop Vector by Artshare